No decorrer das últimas décadas, habituamo-nos a encontrar praticamente qualquer informação pelo Google. Esta ferramenta tornou-se uma espécie de extensão da memória dos seres humanos. Mas sabia que todas as buscas que faz, até aquelas feitas por voz, são gravadas e mantidas pelo Google na Internet.

É verdade. Esta ferramenta grava todas as suas buscas por voz, sendo capaz de armazenar esses dados durante muitos anos. E a empresa não o pode esconder, pois tudo consta do termo de serviço do utilizador em dezenas de páginas, embora o aviso provavelmente só tenha sido lido pelos seus criadores ou por meia dúzia de curiosos.

Ou seja, para bem e para o mal, se costuma usa com frequência a busca por voz e permitiu que o Google acessasse o seu microfone, agora é possível ouvir todas as entradas de voz que já fez na sua conta do Google.

Mas porque?

Todas as suas informações, tudo o que procura, como fala e com que finalidade usa a Internet são transferidos a um programa que deixa a navegação “mais confortável“, ajustando-a para uma experiência mais confortável e acessível.

Isso, claro, tem um aspecto positivo de facilitar o seu dia-dia. Mas não nos podemos esquecer que toda informação encontrada na Internet pode ser desvirtuada e usada contra o utilizador por gente mal intencionada. É também devido a este mecaanismo que o Google identifica e revela as publicidades ”ideais” para lhe mostrar.

Onde essa informação é armazenada?

Neste link é possível encontrar toda a informação que foram gravadas pelo leitor pela utilização do microfone do seu smartphone. Caso não haja nada, quer dizer que nunca usou a ferramenta “OK, Google”.

E aqui fica todo o histórico onde pode encontrar não apenas a informação relacionada à busca de voz, mas também tudo que já procurou ou publicou.

Comentários

You need to login or register to bookmark/favorite this content.

Bookmarked By