Por via do financiamento coletivo, um novo preservativo já arrecadou um valor superior a 1 milhão de dólares. Os mais de 30 mil investidores do preservativo HEX, desenvolvido pela empresa sueca LELO, investiram neste método contraceptivo resistente e inovador.

À primeira vista, a HEX parece um preservativo muito comum: um pedaço de látex esbranquiçado. “As pessoas afirmam: ‘ Eu não uso porque pode furar’. Mas isso pode estar a mudar”, diz Filip Sedic, fundador da LELO, em entrevista à revista Business Insider.

Filip pretende mudar esta ideia com a sua nova invenção. E demonstra: com uma mão dentro do preservativo, ele abre dos dedos, revelando um padrão hexagonal gravado no material. Segundo o repórter Melia Robinson, o látex adere às suas unhas, mas não se rompe. Ele tenta novamente perfurar o preservativo desta vez com uma caneta. Não consegue.

A caixa do produto é inspirada no grafeno, “a mais fina e mais forte estrutura conhecida pela ciência”.

hex

Vários estudos já revelaram que há uma relação entre não gostar de preservativos, considerar que atrapalham o prazer do ato sexual e deixá-los na mesa de cabeceira. No mair estudo dos Estados Unidos sobre a sexualidade, em 2010, 45% dos homens e 63% das mulheres relataram não usar o preservativo na sua última relação sexual com um recém conhecido, de acordo com a Universidade de Indiana.

Há oito anos, a LELO – que foi premiada pela sua linha de luxo de brinquedos sexuais e vibradores – propôs fazer um preservativo que os homens realmente quisessem utilizar. Ou que, pelo menos, tolerassem.

A empresa redesenhou o molde utilizado para fazer as borrachas, criando dentro do preservativo um padrão reticulado como o de um favo de mel. Isto torna menos provável escorregar ou rasgar, de acordo com Sedic.

Segundo o fundador da empresa, quando pressão é aplicada em qualquer ponto do preservativo HEX, ele estende-se em seis direções. Além disso, se fizer um buraco, o dano fica contido naquela célula, ao contrário dos preservativos convencionais, que rasgam.

Popular entre os jovens

De acordo com o porta-voz da empresa, 73% dos investidores das campanhas de crowdfunding eram do sexo masculino e 27% eram do sexo feminino.

hex

É importante notar que quase 70% dos investidores eram da geração do milénio – chamada também de Geração Y ou Millennials. Isto pode estar relacionado ao facto de que as campanhas de crowdfunding são especialmente populares entre os internautas mais jovens. No entanto, todo esse entusiasmo pode ser um indicativo de algo mais: o facto da LELO ter tornado o preservativo mais sexy.

A embalagem toda branca do preservativo não parecia deslocada nas prateleiras de uma loja da Apple. E o vídeo de marketing que introduziu o produto também ajudou, com a música eletrónica a tocar enquanto são reveladas animações da HEX.

O método contraceptivo HEX está a ser vendido online por 19,90 dólares por um pacote com 12 ou 34,90 dólares por um pacote com 36 unidades. O porta-voz da LELO afirmou que em breve a empresa irá começar a venda em lojas de retalho em todo o mundo.

Comentários

You need to login or register to bookmark/favorite this content.

Bookmarked By