São várias as pessoas que não apenas gostam de passar algum tempo longe do mundo como sentem uma verdadeira necessidade dessa prática. Não significa, é óbvio, que desprezam os seus amigos, colegas e familiares. Na verdade, para estas pessoas a solidão é uma espécie de exercício normal – e nada triste, que fique claro – que recarrega as energias.

Se é um amante da solidão – ou se conhece alguém que seja – eis uma notícia interessante sobre eles: esse é um comportamento típico de pessoas extremamente inteligentes.

É bem possível ser feliz sozinho

A afirmação resulta de uma pesquisa realizada pela London School of Economics e também pela Singapore Management University. Os investigadores analisaram dados de 15 mil pessoas – entre esses dados, estavam também os resultados dos seus testes de Q.I.

Os resultados não deixaram dúvidas: a maioria das pessoas fica feliz mesmo quando a sua vida social está ativa; agora aquelas pessoas que tiveram as maiores notas de Q.I. foram as que disseram que ficam felizes e confortáveis mesmo quando estão sozinhas.

Fonte: Metro UK

Comentários

You need to login or register to bookmark/favorite this content.

Bookmarked By