O queniano Julius Yego garantiu a medalha de ouro no Campeonato Mundial de Atletismo em Pequim, no arremesso de dardo. O seu lançamento de 92,72 metros venceu a competição por quatro metros e não passou longe do atual recorde mundial, de 98,48 metros, marca de Jan Zelezny, da República Checa.

Treinador? YouTube

O que é ainda mais notável é que Yego é quase totalmente autodidata, já que ele aprendeu a técnica com vídeos do YouTube. Este revelou ter assistido a vídeos de Zelezny e do norueguês Andreas Thorkildsen, quem ganharam títulos mundiais e olímpicos.

“O meu treinador sou eu e os vídeos do YouTube”, contou Yego. O motivo disso? “Todos nós no Quénia é corredor”. Isso significa que não há muitos treinadores que possam ajudar aqueles que estão interessados ​​em modalidades que não recebem tanta atenção, como o dardo. O Quénia é famoso por produzir grandes atletas de pista. Em Pequim, a nação do Leste Africano lidera o quadro de medalhas, com seis medalhas de ouro, três de prata e duas de bronze.

Julius Yego youtube

“Eu assisti [vídeos no] YouTube e realmente valeu a pena para mim, ver as técnicas de treino e habilidades que eles estão a usar”, contou à CNN em 2013. “Eu não tenho um treinador, a minha motivação vem de dentro. Treinar sem um treinador não é uma coisa fácil”. Depois disso, ele passou a trabalhar com o treinador de dardo finlandês Petteri Piironen.

Comentários

You need to login or register to bookmark/favorite this content.

Bookmarked By